WhatsApp Image 2019-04-25 at 12.37.23 (1)

Redes de Proteção

Se você é pai, mãe, ou possui animais de estimação em casa, você com certeza já ouviu falar deste assunto que iremos tratar hoje: Redes de proteção.

            Diante da importância de tal assunto, nós acreditamos que levar a você, leitor, um artigo de ótima qualidade sobre o mesmo, é ajudar para que acidentes não venham a acontecer e que a segurança e bem estar da sua família sejam sempre sua prioridade.

            Dessa forma, vamos buscar entender melhor o que são as chamadas redes de proteção? Além disso, também explicaremos para o que que as mesmas servem, onde são mais comumente instaladas e ainda como garantir a boa qualidade do serviço. Vamos lá?

Mas afinal, o que são redes de proteção?

            Redes de Proteção nada mais são do que uma rede propriamente dita. O material é formado por um conjunto de malhas que entrelaçadas formam uma rede como qualquer outra. O que difere a mesma de redes comuns, é a sua resistência e finalidade.

Para que servem as redes de proteção?

            Falando de uma forma geral, as redes de proteção servem para proteger algo ou alguém. Normalmente, as mesmas são instaladas em janelas de casas ou apartamentos, com o intuito de evitar acidentes com crianças, animais ou idosos, por exemplo.

Infelizmente, muitos são os casos de acidentes domésticos, e que poderiam vir a ser evitados, se cada vez mais famílias investissem nesse tipo de serviço, e é exatamente por isso que nós nos preocupamos tanto em disponibilizar esse tipo de material para você.

No entanto, as redes de proteção também podem ser usadas em outras situações. Se você tem uma escada, sacada ou uma piscina em casa, por exemplo, não pense duas vezes antes de investir nesse material e garantir de uma vez por todas a segurança de todos aqueles que por vezes aparecem no seu lar.

Quais são os tipos de redes de proteção que existem?

No Brasil, existem atualmente dois tipos diferentes de redes de proteção: Polietileno e Poliamida. A primeira, tem um aspecto plástico e é de alta resistência ao desgaste do tempo, já que é impermeável. Já a segunda, é tão resistente quanto a anterior. No entanto, a mesma não deve ser utilizada em locais expostos as forças da natureza, já que não são impermeáveis e dessa forma, acabam tendo um tempo de vida menor.

Como garantir a qualidade do material adquirido?

Quando você resolve investir em redes de proteção, é de extrema importância que você se certifique que está a comprar um material de qualidade, já que o mesmo será responsável pela sua segurança e a segurança de toda a sua família.

Sendo assim, a fabricação e instalação devem ser feitas de acordo com a NBR 16046/2012, que se divide em: NBR 16046-1 (Parte 1 – Fabricação da Rede de Proteção); NBR 16046-2 (Parte 2 – Corda para a Instalação da Rede de Proteção) e NBR 16046-3 (Parte 3 – Instalação), e que tratam exclusivamente sobre redes de proteção.

Portanto, se você ficou interessado em investir nesse tipo de serviço, não pense duas vezes antes de entrar em contato conosco, fazer o seu orçamento e garantir um serviço de ótima qualidade.

Comece a compartilhar este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email